top of page

Alimentação Saudável ©Yoga Sathya

O ser humano alimenta-se não só das comidas e bebidas que ingere. A pele desidratada é nutrida por óleos, cremes e massagem. O olhar e o ouvir nutre pensamentos e emoções. Somos nutridos por oxigénio através da respiração.

Indo à raiz. A água e o ar (oxigénio que inalamos nutre) são os bens mais preciosos da terra que alimentam a saúde no global. Existe um equilíbrio energético dentro e fora do organismo que está em sintonia. Alimentação saudável é na realidade um universo interior e exterior.


Alargando esta visão, o equilíbrio da saúde é determinado pela qualidade da saúde do planeta e de todos os seres vivos que nela habitam e interferem na qualidade dos alimentos que ingerimos pelas várias vias. Logo, o que nos nutre não deveria estar alterado, poluído, ter constituintes tóxicos como por exemplo químicos ou adicionados fertilizantes, aromatizantes, conservantes, etc... Os produtos que consumimos deveriam ser saudáveis na sua essência.


Igualmente, os animais deveriam ser tratados de acordo com a natureza, sem crueldade, não domesticados criados sob pressão comendo rações sintéticas, desenvolvidos com produtos de laboratório, dando-lhe injeções de hormônios para um crescimento rápido, de forma a satisfazer o consumo desenfreado de carne, leite e ovos.


Segundo a ciência da vida Ayurveda a carne deve ser consumida se for saudável, bem como toda a alimentação. E na realidade nem a carne dos oceanos escapa. No mar é largado o óleo dos barcos, o lixo de toda a produção industrial, e os peixes crescem e se reproduzem entre a poluição e o efeito das alterações climáticas.


Atualmente, escolher uma alimentação à base de plantas, não é só amor por todos os animais, por todos os seres vivos e pelo ambiente que contempla o planeta terra, mas igualmente amor pela própria saúde. Amor próprio. Amor ao próximo. Família. Amigos.


Existe uma vasta variedade de plantas, frutas, frutos secos, legumes, leguminosas, grãos, sementes, ervas aromáticas, especiarias e até mesmo flores. Sim, há flores que são comestíveis e muito ricas em nutrientes, é verdade. Não servem só para embelezar os pratos, são mesmo ótimas opções para comer numa refeição. Igualmente, algas. Fungos, como por exemplo o cogumelo que é uma iguaria que contém um completo cardápio de proteínas, minerais e vitaminas.

Para além de uma multiplicidade de chás, condimentos e temperos que podem não só ajudar a repor o equilíbrio energético quando bem aplicados, mas também servir de um alimento de qualidade e contribuir para ajudar a curar, rejuvenescer, naturalmente.


Os mais céticos dizem: ai nunca comi nada Vegan. Mentira! As refeições que fazemos estão repletas de alimentos à base de plantas. São vegan e nem damos por isso. Todas as sopas de legumes e leguminosas. Massa. Arroz. Feijão. Ervilha. Batatas. Todas as bebidas: água, sumos de frutas, vinhos, as conhecidas bebidas Detox, etc. Excluindo o leite de vaca são raras as bebidas com derivados de produção animal. Bem como todas as frutas e cereais são à base de plantas. Na verdade as pessoas já comem à base de plantas mas nem se dão conta!


Inscreve-te e não percas os cursos e Workshops...

Dicas para uma Alimentação mais saudável - Consulta Yoga Sathya

Quer ler mais?

Inscreva-se em wmagazine.pt para continuar lendo esse post exclusivo.

Comentarios

No se pudieron cargar los comentarios
Parece que hubo un problema técnico. Intenta volver a conectarte o actualiza la página.
bottom of page