top of page

Alerta Clima - Depois da Tempestade Aline chega Bernard a Portugal. Proteção Civil emite alertas.

Atualizado: 22 de out. de 2023

Alerta Laranja para 8 sub-regiões do Continente: Grande Lisboa, Lezíria do Tejo, Península de Setúbal, Alto Alentejo, Alentejo Central, Baixo Alentejo, Alentejo Litoral, Algarve, até à meia-noite de Domingo (22.10). (...) E para o arquipélago da Madeira.


Alerta Amarelo para 13 Distritos de Portugal. (...)


O que é uma Tempestade?

Fenómeno Atmosférico com duração de minutos que pode alargar-se a várias horas ou dias, onde podem ocorrer extremos, tais como ventos fortes, trovoadas, chuva intensa, relâmpagos, granizo e por vezes neve.


O que é um Alerta Laranja?

Nível Laranja é designado para zonas de risco moderado a elevado.


O que difere do Amarelo?

Nível Amarelo o risco é somente para as atividades que dependem da meteorologia apresentada.




Mais Notícias W Magazine relacionadas com clima:

Ativismo Climáximo está em força na capital portuguesa.


Hoje sábado (21) membros do grupo partiram a montra da Gucci, na Av. da Liberdade, em Lisboa e deixaram a mensagem «Partir em caso de emergência climática». (...)


Ontem na Faculdade de Direito de Lisboa, Ministro das Finanças, Fernando Medina, foi atingido por tinta verde e gritos de jovens ativistas Climáximo que protestavam: «sem futuro não há paz», isto enquanto discursava sobre o Orçamento de Estado. (...)


Na quarta-feira (18) uma ativista Climáximo colou-se ao avião da TAP Lisboa-Porto reclamando «voos inúteis, que matam milhares de pessoas». (...) Existem alternativas.


Já na sexta-feira (13) passada, ativistas Climáximo lançaram tinta vermelha sobre um quadro de Picasso, exposto na Fundação do Centro Cultural de Belém (CCB), em Lisboa, comunicando « Quando soldados alemães entraram no estúdio de Picasso em Paris, onde vivia durante a II Guerra Mundial, e viram o Guernica (a famosa obra-prima que retrata os horrores da guerra), perguntaram-lhe “fizeste isto?”. Ele respondeu ‘não, tu fizeste isto’. As instituições culpadas pelo colapso climático declararam guerra às pessoas e planeta. Temos de parar aceitar esta normalidade». Segundo informação da Direção do CCB, «o quadro estava protegido com acrílico não sofreu danos». (...)



Quer ler mais?

Inscreva-se em wmagazine.pt para continuar lendo esse post exclusivo.

12 visualizações0 comentário

Comments

Couldn’t Load Comments
It looks like there was a technical problem. Try reconnecting or refreshing the page.
bottom of page